Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


13
Abr15

Casa de tijolo!

por chapeusechapeladas











O tempo de arrependimento já lá vai

faz muito tempo que a chuva não cai

o sol agora reina os dias

sem marcas

nem saídas

é tempo de olhar em frente

crescer

e ser gente

assentar tijolo por tijolo

deixar os castelos de areia

e construir uma casa mais modesta

sem grandes luxos

mas sempre com festa

numa terra mais real

do que aquela em que os castelos são construídos

sem sonhos proibidos

nesta casa assentada em tijolo




o arrependimento é um simples tolo

que se arrepende

por dizer te amo

timidamente

não tem nada proibido

a vida apenas é mais simples

não preciso me proteger com muralhas

nem ficar com medo de cair

nas minhas batalhas

sei que aqui não serei ferido

nesta casa tenho um abrigo

que me permite ser sereno

e ter um ombro ameno

uns lábios suaves

uma ouvinte atenta

um corpo belo e sinuoso




com o sabor e cheiro a menta

não olho mais para trás

o arrependimento já lá vai

agora quero a paz

nesta casa de tijolo

onde antes este tolo

não queria entrar

agarrado ao seu castelo

com ventos para o sustentar

agora tudo é diferente

o tolo cresceu

agora é gente

vive feliz na modéstia

não se arrepende de nada

tudo é feito com prazer

quem ama

tem tudo que é para ter.






 

 

 









 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D