Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


12
Out14

O correr do tempo‏

por chapeusechapeladas
 
 

10 Minutos

o tempo que me resta
sem sustos
acabou-se a letra
não vou criar mais poemas
nem canções
acabaram-se os problemas
morri num mar de ilusões....
Correm os segundos bem devagar
os pensamentos ocupados
não têem com que se preocupar
congelados
num mar de relaxamento
parei de estrabuchar
aceitei o meu momento
agora só me restam 8 minutos
passaram dois dos 10
tempo mais que suficiente 
para tornar o descontentamento 
contente
o isolamento
na solidão amiga de sempre
e mais minuto e meio passou......
Rufam tambores
padrões invisíveis
bolinhas de todas as cores
as sensações possíveis
o tempo decrescente
um som que se apaga no clamor da multidão
vozes agonizantes
espíritos navegantes
aventureiros sem conometro
as vozes que me chamam
já só faltam 4 minutos e alguns segundos
enfim a junção dos mundos
o meu e o desconhecido
o destino tomou o seu partido
menos de dois minutos para chegar a uma conclusão
sinto as batidas descompassadas do meu coração
mas não consigo dar um final a isto
preciso de um desconto de tempo
mas não sei se me irá ser concedido
dizem-me as vozes que este será o meu abrigo
não tenho a certeza disso
pois toda a gente sente medo do desconhecido
eu não fujo a essa regra com excepções
procuro uma forma de enganar o tempo
mas é o tempo que me engana com umas quantas ilusões
e assim chego ao último segundo
vou abraçar o mundo
sem tempo para o largar!

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D