Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


30
Jun14

Portugal sobre Vaselina!‏

por chapeusechapeladas

 

Terminou a participação Portuguesa no Mundial de futebol e os mínimos traçados como objectivos não foram compridos, mas mesmo assim não existem demissões como por exemplo na Itália que não atingindo os mínimos viu o presidente da sua federação e o seu treinador a demitirem-se e alguns jogadores viram o seu estatuto ameaçado, em Portugal nada disso e pelo que se viu das palavras de presidente e de treinador o fracasso reforçou ainda mais as ideias que todos já viram ser erradas, é este Portugal a caminhar sobre Vaselina!!

 

Neste Portugal pós-eleições o partido do poder perdeu mas ficou sossegado por ter líderes que não se demitem, não saem, não se movem e continuam com um discurso que ainda convence alguns idiotas que batem palmas ao senhor ministro, ao senhor presidente, ao senhor secretário, e ao senhor descontente, no partido que ganhou as eleições e tendo um líder que me fez lembrar aqueles antigos bobos da corte que eram contratados para fazer rir com enormes disparates está em guerra aberta porque tem quem não tenha ficado feliz com esta magra victória e queira nas próximas eleições ser primeiro ministro, o retrato pobre da política que temos faz com que Portugal caminhe sobre Vaselina!!

 

No sistema bancário acontece algo que sempre foi um mistério para mim, o estado injecta dinheiro nos bancos, os bancos dão sempre prejuízos, os administradores continuam a gerir os mesmos, ninguém toma acções, ninguém diz nada, e este Portugal caminha sobre Vaselina!!
A mortalidade por violência domestica aumenta, dizem os psiquiatras e psicólogos que estudaram para isso que a culpa é do momento de crise por que passamos que altera o humor das pessoas e faz com que estas inadevertidamente tomem atitudes que a frio não tomariam, pessoas estudadas como estas não conseguem entender que a covardia não tem nada a ver com a crise e se a desculpa for esta no futuro duas em cada 3 mulheres morrerá em nome da crise, 2 em cada 3 crianças sofrerá abusos por causa da crise, é este o Portugal que temos que não passa Vaselina no cu destes idiotas opinadores!!

 

Vejo os canais de televisão e em todos eles imerge um tsunami de chamadas de valor acrescentado com a ilusão de que o dinheiro vai fazer jeito a quem ganhar, as pessoas que dão a cara por estas merdas dizem que compreendem que a vida está difícil e que uma chamada pode resolver o problema e as dificuldades das pessoas falam em pagar a água, a luz as contas, a casa e acrescentam tal como as chamadas que se poder ligar muitas vezes mais possibilidades tem de ganhar, só que depois esquecem de dizer as pessoas que não é dinheiro que elas ganham mas sim o valor em cartão para gastarem em determinados lugares que esta merda não dá para pagar merda alguma e assim marcha Portugal sobre a Vaselina com que alguns esfregam no cu dos Portugueses para que seja mais fácil enrraba-los!!

 

Poderia retratar muitas e muitas situações que neste momento decorrem neste Portugal que caminha sobre vaselina mas quando vejo um político acusado de peculato, fuga de capitais, fraude e muitas mais merdas a comprir um ano de prisão e a sair da mesma tendo todas as atenções das televisões e algumas até se preocuparam em saber o que ele almoçava no dia seguinte noro que tenho de ter cuidado com a Vaselina que corre por Portugal pois não tarda nada ou dou em maluco se ligar a estas merdas ou terei o cu cheio de mesma!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D